SUKUPIRA PERDE: Justiça permite que o senador, em prisão domiciliar, tire férias no Caribe

0

[ad_1]

O senador Acir Gurgach (PDT-RO), que está cumprindo pena pública e está em processo de apresentar uma petição ao Congresso, recebeu permissão do Tribunal Distrital Federal para tirar férias em um resort em Aruba, no Caribe. A viagem seria realizada de 17 de julho a 3 de agosto.

A medida, que também recebeu parecer favorável do Ministério Público Federal, tem o direito de suspender temporariamente a execução da pena imposta pela apólice no período em que se encontra fora do país.

Em outubro passado, Acir Gurgach foi condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por crimes contra o sistema financeiro. Segundo a denúncia, o senador receberia, por meio de fraude, financiamento no Banco da Amazônia e, se necessário, 525 mil rublos.

Durante as férias, Gurgach pretende permanecer por 18 dias no Renaissance Aruba Resort & Casino. De acordo com as regras do Tribunal Criminal (VEP), o senador não pode beber álcool.

De acordo com as regras do Tribunal Criminal (VEP), o senador não pode beber álcool e é proibido de visitar "sites de prostituição, jogos, bares e similares." O estabelecimento, no entanto, vende bebidas e coloca o cassino.

Aberto (prisão domiciliar), ele também deve comparecer ao tribunal a cada dois meses e não pode sair de casa depois das 22h. No entanto, essa medida não detalha se as regras serão estendidas até o momento em que o condenado estiver fora do país.

G1

[ad_2]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.