Potigoire representará o RN na competição mundial de queijos na França – Curiozzzo

0

[ad_1]

Pela primeira vez na história, o queijo artesanal RN será avaliado, apresentado e avaliado em uma competição internacional.

Quem o escolhe além dos tupiniquins, este é Lucenildo Firmino, de quarenta anos. Ele foi homenageado por produzir queijo e representará o estado na 4ª edição do "Mondial Du Fromage – Et Des Produits Laitiers", um concurso mundial de queijo que reúne representantes de 38 países e é realizado em Tours, França, entre Lucenildo, mais conhecido como "Galego da Queijeira", é natural da cidade de Dzhukurutu, mas em 2011 mudou-se para o tenente Laurentino Cruz e representará o queijo Serra de Santana que possui: "Isto é muito emocionante. Este é o resultado do trabalho plantado lá, que agora está sendo coletado. Eu tomo o nome de Serido, toda a cadeia de produção de queijo na região. Só para participar, já estou muito feliz ”ele contou à Mossoró Hoje.

Produtos fabricados pela queijaria Serra de Santana. Foto cedida pela queijaria
Potigoire Lucenildo, que levará pela primeira vez o queijo Potiguar para uma competição internacional. Foto: João Vidal para o governo do RN

O queijo pertencia ao irmão, mas em 2016 ele comprou e investiu em cursos, equipamentos e melhorou a produção. O empresário já tem mais nove prêmios nacionais e regionais, o cara é bom? Atualmente, ele, sua esposa e outros dois empregados produzem manteiga, queijos engarrafados e coalho, que competirão na França. Juntos, eles produzem 160 kg de queijo por dia.

O projeto de valorização do queijo artesanal de Valido, que entregará Lucenildo à França, faz parte do programa do governo estadual, que é financiado por fundos do governo. Recursos do empréstimo do Banco Mundial.

Gosta de queijo? Se você gosta, não se esqueça de espalhar a palavra!

Com informações de Mossoró Hodge

[ad_2]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.