Copa América: Brasil enfrenta o Paraguai na primeira “decisão”

0

[ad_1]

Na quinta-feira (27), às 21h30, contra o Paraguai, no Arena Grêmio, em Porto Alegre (RS), a seleção brasileira enfrentou a primeira eliminatória da Copa América. A equipe, sob o comando de um especialista técnico Tait, desperdiçado de Richarlison (com parotidite epidêmica), Fernandinho (ferido) e Casemiro (desanexado), enfrenta o antigo britador, o Paraguai. O rival eliminou o Brasil nos torneios de 2011 (na Argentina) e 2015 (no Chile).

Para eliminar a possibilidade de demissão antecipada, o capitão Seleção exigiu uma concentração total de jogadores após a vitória sobre o Peru por 5-0. "Na segunda metade, o jogo decisivo. O estoque do acerto deve ser alto, com características mentais muito fortes, alta concentração e concentração. Devemos estar preparados para situações que o jogo exige, saber interpretar o jogo e ter muito cuidado com a bola" – Tayt disse em uma entrevista para o site da CBF.

Para encher o lixo, Allan entra na casa de Casemiro, e Gabriel Jesus foi atacado pela onda de Richarlison A equipe chegou a jogar com essa formação na fase de qualificação O Brasil venceu os três primeiros jogos Nós (Peru e Bolívia) empatamos (contra a Venezuela)

O Paraguai ainda não venceu a competição A equipe adversária perdeu da Colômbia (1: 0) e esteve associada apenas ao Catar (2: 2) e Argentina (1: 1) O lado positivo é a boa fase do goleiro Gatito Fernandez, que pode se tornar arma para uma possível penalidade. Na primeira etapa, ele foi classificado no terceiro e, portanto, caiu novamente no caminho do Brasil.

[ad_2]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.